segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Eis aqui meu grande vício

O tempo passa e continuo com o mesmo vício de sempre. Tudo começou com o meu irmão, que adora me mostrar animes e desenhos em geral. Enfim, ele me apresentou a Fullmetal Alchemist.
Fullmetal Alchemist (gosto de chamar de FMA) para quem não sabe é um anime/mangá criado por Hiromu Arakawa (pra quem já leu o mangá conhece a autora como uma vaquinha).


 
Mega Resumo: Na tentativa de reviver a mãe dois irmãos, Edward e Alphonse Elric, acabam perdendo seus corpos. Al acaba tendo sua alma trancafiada em uma armadura e Ed tendo que usar duas próteses mecânicas, uma no braço e outra na perna. Os dois passam a procurar a pedra filosofal, que pode ser a única chance de recuperarem seus corpos.

Pra quem lia o mangá e assistia a primeira temporada ao mesmo tempo como eu, percebia que havia um abismo que separava as duas histórias já que o início é igual, mas no decorrer ambos seguem caminhos totalmente diferentes e com personagens distintos cada. Fiquei descontente com o fim da primeira versão animada, aí quando anunciaram o filme cheguei a reanimar, mas assim que assisti me veio uma decepção... e ela se chama The Conqueror of Shamballa.
O filme é a continuação da série, ou seja, o final. Nele Edward está tentando voltar para o seu mundo. Para saber mais sobre o filme clique aqui. Fora isso gostei da abertura, em que colocaram imagens, que são as mesmas que ficam na capa de todos os DVD's da série. 


Certo dia estava eu visitando sites e mais sites e me deparei com a notícia de que iriam fazer um remake da minha série favorita. Tá, estava feliz. A felicidade durou até começar a assistir. Achei estranho os traços, que são tão iguais ao mangá, porém tão diferentes do anime anterior. A nova animação, que foi intitulada Fullmetal Alchemist Brotherhood, tem o começo PARECIDO com o do primeiro (foi até por essa razão cansei um pouco nos quatro primeiros episódios), mas isso logo passa já que Brotherhood segue o caminho do mangá.  Personagens que não existiam na animação anterior foram incorporados a trama, temos como exemplo Ling Yao e May Chang, que existem no mangá.

 

Já com o mangá e anime concluídos acabei voltando com a depressão de ter que procurar uma nova série para me apegar... tentei até assistir Bleach, mas nada conseguiu preencher o vazio sou dramática, não?.
Bem, não é que confirmaram um novo longa para a série? \õ/ Esse com o título: Fullmetal Alchemist: Brotherhood Movie. O filme será lançado no verão japonês, mas já tem até um trailer, confira:


P.S.: Gostei muito, muito, muito do fim de Brotherhood! Motivo? Ed e Winry terminam juntos (pra quem não sabe toda fã do anime passa todos episódios torcendo pelo casal, já que nem sabemos se são um casal). Eu nem tinha mais esperança, já que o gênero de FMA é shonen e não shoujo.

 

Ah, e eles também têm filhos!


Esperando o filme ansiosa. Tomara que FMA continue assim por um bom tempo: sempre com idas e vindas.

2 comentários:

Maria Conceição disse...

também é o meu grande vicio
FMA Forever!

Amandinha disse...

Nusss to concordando tbm FMA é um MEGA vicio *_______*
ED e AL adoroooooooo xD