sábado, 20 de agosto de 2011

Recordações, Hoje e Amanhã

Criei este blog para nele arriscar uma aproximação com as pessoas, de um modo específico, do mundo. É, quero conhecer o mundo, e foi esse um dos motivos que me fizeram escrever cada coisa que se passa na minha vida aqui. Não que cairá do céu daqui a um ano uma passagem me levando à Tóquio. Não! Decidi escrever coisas extraordinárias, análises, besteiras (a maioria, não se engane) para ficar mais próxima do mundo, assim de uma maneira espiritual (não como Chico Xavier), mas enfim... Minha mãe diz que essas coisas que eu invento são um pouco coisas da minha cabeça, coisas de gente que não tem nada de bom pra fazer (ela fala com palavras mais brutas, mas basicamente é isso rs). Por mais que ficar aqui sentada na cama escrevendo não melhore minhas condições de vida (pobre nasce pobre), me perco escutando Shakira em español, lembrando de filmes de fotografia antiga... Me lembrando do kisuki da Angélica que vendia na 'budega'. Acho que posso com este blog mudar o mundo, o meu mundo. Já ganhei muitas coisas com ele: cri, cri, cri. Dã!
Lá vai: Meu nome é Raiomara, mas gosto de ser chamada de Raio. Minha mãe me chama de Raiomara, mas vez ou outra a vejo escrevendo Raio, Raio, Raio na agenda que fica perto do controle da TV. Meu irmão é um troço do meu nojo que vive querendo me ter como sua escrava. Ele é nojento, está no período da vida que se tem pereba na cara (acne) e só acorda cedo pra ficar no computador. Meu pai por outro lado é um caso à parte da minha família... bem, algum dia posso comentar mais sobre ele. Nasci em 18 de dezembro de 1993 e passei pouco tempo sendo filha única, já que logo depois veio a peste tomar meu lugar. grrr
Esse pequeno ser sou eu com 1 ano e 11 meses.
Albano e eu!
Eu? rs
Não sei, mas meu amor por essa foto é tããão grande.
Essas foram as poucas memórias que consegui pegar de um álbum E-NOR-ME que só tem foto minha. Só peguei essas porque não tenho muita paciência pra escanear muitas. Ah, e continuando... Comecei com este blog pra tentar dividir minhas coisas com alguém, já que tem horas que eu gosto de conversar com alguém e não quero falar com uma pessoa (pessoas são complicadas de se lidar), e é nessas horas que venho pra cá. Um blog não é um espaço privado, fechado só pra você e mais tantas pessoas... Você pode escrever para várias pessoas, o que acho incrível. E pelo que vejo de visitas, acho que posso me considerar do povão!
Hoje, em contraste com aquela garota que levava caco de vidro na testa, jogados por seu próprio irmão, tenho atualmente 17 anos, prestes a fazer 18 em dezembro (não, 19, dã). Próximo ano tentarei começar meu curso de japonês e mais adiante web design. Tenho paixões na literatura, fotografia, cinema e música. Amo español, o qual falo, francês e japonês. Ah, e esta sou eu hoje (tirei essas fotos ontem, mas acho que ainda estão valendo):

Finalizando: sou uma pessoa feliz, que algum dia irá para o Rock in Rio!

Nenhum comentário: