terça-feira, 3 de janeiro de 2017

TOP - Os 5 melhores doramas de 2016

Prontos para 2017? Apesar de 2016 ter passado lentamente, como se nunca fosse terminar, devo reconhecer que esse ano infinito também nos presenteou com lindas histórias. Os doramas me encantaram em 2016, principalmente os de época, com suas lutas de espadas e suas caraterizações magníficas. A lista de dramas é tão boa que fico até com receio que 2017 não consiga se comparar em qualidade ao que 2016 nos proporcionou.
A seguir meu TOP de "5 melhores dramas de 2016", porque nada melhor do que listar o que foi bom e panfletar aquilo que deve ser panfletado.

5 - Cheese in the Trap



Cheese in the Trap é um bom dorama, sem dúvidas, mas chega a amargar péssimas classificações devido ao seu final. Apesar disso, gosto da forma como a história se desenrola e ouso dizer que foi o primeiro drama a tornar-se um de meus favoritos, seja pela OST maravilhosa, como também pela atuação do triângulo amoroso. É um drama que, ao contrário dos demais, que mostram a vida de uma colegial, mostra a vida de uma universitária pobre e os seus dilemas no sistema educacional competitivo coreano. É bem interessante ver, além do romance, as preocupações da protagonista com os trabalhos em grupo, com a nota em exames e com os estágios. Prota gente como a gente.


4 - W - Two Worlds



W é um drama complicado de se resenhar, pois em si só é complicado de se compreender. A sinopse trás dois mundos (o mundo real e o mundo dentro de uma história em quadrinhos), sendo que os personagens de ambos acabam interagindo entre si. A filha de um quadrinista entra dentro de uma história em quadrinhos da autoria de seu pai, e acaba se apaixonando pelo personagem principal da mesma. Não digo que esse é o meu drama favorito do ano simplesmente porque em muitos momentos o "trem desandou", ou seja, o roteiro ficou confuso demais, e fiquei sem entender o que se passava. Mas, apesar de tudo, é um dos melhores dramas do ano pela originalidade.


3 - Descendants of the Sun


Claro que o drama mais amado do ano na Ásia não poderia ser deixado de fora dessa lista. Descendants conta a história de amor entre duas pessoas totalmente opostas: um soldado e uma médica, e que justamente por isso acabam enfrentando várias problemas no decorrer da trama. O destaque vai para o protagonista, Song Joong Ki, que foi fantástico, principalmente nas cenas de ação.


2 - Goblin


Drama ainda em andamento, mas mesmo sem ver o seu final, já é possível considerá-lo como um dos melhores do ano. Primeiro, a atuação de Gong Yoo é fantástica, e segundo, a química entre ele e Lee Dong Wook é a melhor coisa que já vi durante o ano (morro de rir com os dois). Ambos os atores principais estão arrasadores em seus respectivos papéis, e fazem um bromance como ninguém. O romance entre a protagonista e o Goblin é bonitinho, e faz com que fique boba com todas as cenas entre os dois. Muito além disso, fiquei apaixonada pela fotografia, pela OST instrumental e pela locação.


1 - Moon Lovers: Scarlet Heart Ryeo



Melhor drama do ano, sem dúvidas. Claro, o drama passou por vários problemas de execução, principalmente no que se refere ao andamento do roteiro. O começo ficou bem parado, leve, e na etapa final tudo foi muito corrido, porém, apesar de tudo isso, o drama contou com as melhores locações, melhor trilha sonora, melhor ator secundário e principal e melhor casal do ano. Também gosto de mencionar a familiaridade que a história tem com a novel/anime Saiunkoku Monogatari, e acho que esse é um dos principais pontos que me atraiu em Moon Lovers. A direção e roteiro poderiam ter sido bem melhores, mas nada é perfeito nessa vida, né?



Feliz 2017 a todos!